Verdade Oculta

Não tenho seguidores e nem quero ter

—–Mensagem Original—–
From: Fxxxx Gxxxxxx
Sent: Monday, February 24, 2014 12:37 PM
To: rubens@verdadeoculta.com.br
Subject: Dúvida

Boa tarde Irmão Rubens.

Tenho acompanhado seus vídeos no Youtube a algumas semanas e o irmão
tem provado com as escrituras, tudo que eu ja suspeitava sobre o sistema
religioso até então, mas não tinha respaldo bíblico.
Contudo, percebi, como de costume, que após ter seus vídeos com uma
certa visibilidade e aceitação na internet, surgiram pessoas que
começaram a se sentir incomodadas com as revelações que faz. Então
vieram os videos lhe difamando e acusando de varias coisas.
Gostaria que, conforme comenta os videos que lhe enviam, comentasse
também, os videos que o acusam e difamam.
Caso já o tenha feito, por gentileza, peço que me envie os links do
youtube que se referem a tal.
Minha opinião é que, se um dia o irmão pertenceu ao sistema religioso,
obviamente, jogava conforme mandavam as regras do jogo e, graças ao
espirito santo, teve seus olhos abertos para a verdade.
Grande abraço e obrigado pelo trabalho que tem realizado, mesmo sabendo
das inúmeras acusações e blasfêmias que iria ter que suportar.

RESPOSTANunca gravei comentando o que falam mal de mim
apenas nao ligo.

Mesmo se muitas pessoas acreditarem nas difamações, também nao ligo.

Não tenho seguidores e nem quero ter.

Assim nao me importo sobre as calunias….
Sigo vivendo minha vida de acordo com o que creio ser a vontade do Pai

Para falar a verdade, a pessoa deve seguir um caminho traçado, mas para falar mentira, qualquer caminho vira estarda pois não ha regras e cada um fala o que imagina

agora pense…

O que falo atinge o interesse de milhares de pessoas, embora eu nao fale mal dessas…

essas atingidas, vão falar mal do que falo, ou irão falar mal de mim??????

não podendo falar mal do que falo, falam mal de mim.

alguém podia falar mal do que o Salvador falava??????????????

mas falavam mal dele, e se falavam mal dele, como não falarão de mim?

paz

Deixe uma resposta