Verdade Oculta

O PODER DO DINHEIRO

O PODER DO DINHEIRO
O assunto que vou abordar é obvio. Mas tudo que é obvio tende a naturalizar-se, tornar-se comum tanto quanto a respiração, aí dificilmente alguém pensa sobre o assunto.
Na época do Salvador o dinheiro já concorria com o próprio Criador no coração das pessoas, por isso, o Salvador advertiu: “não podeis servir a dois senhores, o Criador e Mamom…”
Hoje no contexto do capitalismo, o dinheiro tornou-se o sangue do sistema, ele é o princípio, o meio e o fim. Inicia qualquer negócio, o mantem e visa obter mais dinheiro ainda, uma roda viva imparável.
Imagine, tudo é dinheiro! Veja a sua vida, levanta cedo, vai para o banheiro: água, sabonete, papel, pasta de dente, perfume, café, pão… Enfim tudo é dinheiro, pense em algo que se faz sem dinheiro? O dinheiro é o poder concreto das ações do sujeito em relação a si mesmo, a natureza, o próximo e a sociedade em geral. Quanto mais dinheiro, mais poder de ação.
Títulos e posições sociais em si mesmos não valem nada, só valem para ajudar o indivíduo a ter mais chance de ganhar dinheiro.
No livro Pai rico e Pai pobre, o autor ensina o princípio do poder do dinheiro. O personagem tinha dois pais: um pai rico e um pai pobre. Certo dia o pai pobre disse para o mesmo: ” estude, procure um emprego e terá um bom salário”. Já o pai rico disse: “aprenda uma só coisa, como funciona o mundo do dinheiro e como ganhá-lo, se você se formar como médico por exemplo, vai trabalhar para os outros e pagar impostos para o governo, agora, se você ganhar dinheiro todos trabalharão para você, aí você cria uma fundação e deixa de pagar impostos para o governo.”
Se alguém quiser compreender o mundo de hoje comece pesquisando sobre o que é o dinheiro, sua origem e como funciona.